Circuito Som nas Pedras é atração cultural em Monteiro neste sábado

Portal de entrada do Município de Monteiro, PB – Brasil / Fonte: Google Imagens

A Laje das Moças, em Monteiro, é um local com uma visão privilegiada e com grandes histórias; está incrustado no Complexo Turístico Zabé da Loca, na comunidade de Santa Catarina, na zona rural da cidade. A partir das 18h deste sábado (21), este local vai receber o Circuito Som nas Pedras.

A apresentação de abertura vai ser do Grupo Black Art, que tem 30 componentes e coreografias de ritmos como xaxado, ciranda e forró entre outros. O Projeto Prima também está inserido na abertura do evento, além das apresentações da Orquestra Sanfônica da UEPB, Campus VI, do músico Pinto de Monteiro, o Grupo de Mazurca, Pife Perfumado, Bibi Sax e a Filarmônica Sebastião de Oliveira Brito.

“O nosso Som nas Pedras cresceu e ganhou a Paraíba. É mais um produto de sucesso exportado do coração do Cariri para as demais regiões. Monteiro é o berço desta ideia que ganhou corpo e alma, onde nos reunimos no friozinho da serra ao lado dos amigos para curtir a beleza do nosso céu estrelado e claro, com música de qualidade. Nosso orgulho é imenso e estejam todos convidados para prestigiar essa legião de nomes da nossa terra”, comenta a prefeita de Monteiro, Anna Lorena.

Som nas Pedras –  O primeiro evento teve início em 2012, e contou com a participação do poeta Pedro Soares, de João Pessoa, recitando poesias. Nas edições seguintes  se apresentaram o poeta popular Espedito de Mocinha, Carrim da Prata e Zé Jabitacá – dois cantadores do Cariri, a cantora Sandra Belê, o projeto ACordaOSopro – com o mineiro Marcelo Fonseca e o baiano Rodrigo Sestrem, Ilmar Cavalcante, Osmando Silva, Lucas Carvalho, Ju Vieira e Neguinho de Arcoverde, entre tantos outros.

De acordo com o secretário executivo de Estado da Cultura, Milton Dornellas, o Circuito Som nas Pedras busca fortalecer as potencialidades econômicas dos municípios a partir da promoção cultural. “São municípios de grandes belezas naturais, como um pôr-do-sol lindo, e uma cadeia produtiva muito bem estruturada. É preciso desenvolver todo o potencial que esses municípios têm, e esse apoio será dado pelo Governo do Estado”, explicou.

O Circuito Som nas Pedras é uma realização de empreendedores do setor turístico local, juntamente com a prefeitura municipal, com a correalização do Governo do Estado da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Cultura, em parceria com o Sebrae-PB, a Secretaria de Estado da Comunicação Institucional, a Empresa Paraibana de Turismo (PBTur) e a Empresa Paraibana de Comunicação (EPC), por meio da Rádio Tabajara e do Jornal A União.

Fonte: SECOMPB