PBTur celebra retornos de voos para João Pessoa e aposta no turismo regional

Noticias

As companhias aéreas já começam, ainda que bem lentamente, a reorganizar a malha aérea nacional. Na Paraíba, a Gol já aumentou a oferta de voos em junho com uma novidade, um voo direto entre Natal (RN) e João Pessoa (PB). Esse voo está sendo operado quatro vezes por semana (terça, quinta, sábado e domingo). A Azul anunciou o retorno ao Aeroporto Presidente Castro Pinto, na Região Metropolitana de João Pessoa, a partir do dia 13 de julho, com a rota João Pessoa – Recife. Já a Latam Brasil confirmou mais um voo diário para São Paulo/Guarulhos.

Além do novo voo entre Natal e João Pessoa, a Gol está operando voos para Brasília (DF), com três frequências semanais – terça, quinta e domingo; para o Rio de Janeiro (RJ), com quatro frequências semanais – terça, quinta, sábado e domingo; e para São Paulo há voos diários.

De acordo com a presidente da PBTur (Empresa Paraibana de Turismo), Ruth Avelino, o pequeno retorno dos voos para João Pessoa já era esperado, a partir do momento em que se inicia a reabertura da economia. Entretanto, a executiva continua apostando na força do turismo regional e vê com bons olhos o voo entre João Pessoa e Natal, que pode ser um forte indicativo de que a Gol está antenada nessa retomada regional.

“Apostamos no turismo regional sendo realizado por meio de rodovias, com os turistas usando transporte próprio e de curta distância entre os destinos”, pontuou Ruth Avelino. Na opinião dela, as pessoas ainda ficarão reticentes em retornar ao transporte aéreo, mesmo com as companhias aéreas e os aeroportos cumprindo todos os protocolos sanitários. “Teremos um retorno com viagens curtas e em família”, afirmou.

Ruth Avelino disse que, desde o início da pandemia do coronavírus, a PBTur vem intensificando o processo de divulgação do Destino Paraíba e promovendo capacitações junto aos agentes de viagens e operadores de turismo de todo o Brasil. Com a pandemia, segundo ela, essas ações foram ampliadas utilizando as principais ferramentas das redes sociais, além da participação em diversos treinamentos organizados pelas principais operadoras do país.

“Criamos uma dinâmica de trabalho online, que tem nos permitido continuar nas prateleiras das principais empresas de turismo do país e, ao mesmo tempo, procurando manter a parceria com todas as entidades do trade turístico paraibano. Esse trabalho precisa ser em conjunto com o setor privado, que tem seus mecanismos e ferramentas para ampliar a divulgação da Paraíba”, disse Ruth Avelino.

Secom Paraíba